Seguidores

terça-feira, setembro 01, 2009

POEMA ENVIESADO



Venus Verticordia c - 1863-68 pintura de Rossetti
82
x 69 cm óleo na lona




idéias à flor da pele
perambulam
na pele sequiosa

encravadas no macio
e no quente
desfolham veias
defloram sonhos
suplicantes

pensamentos não falam
contraem a flor na boca
pra não dizer
do nó na garganta
que embraça o pranto

a flor delicada cai
a pele vislumbra
cheiros de afeto
sobram ruídos
pensantes

Soninha Porto




(imagem do site www.florencanto.com.br/imagescached/amor-flores-I.jpg)



Nenhum comentário: